Saúde Pública

Medicamentos podem comprometer a saúde do trânsito

22/09/2017 - 10:08

Conforme estudo francês, 15 classes farmacológicas podem aumentar o risco de acidentes. 

A Semana Nacional de Trânsito 2017 começou no dia 18 e vai até o dia 25 de setembro. A principal finalidade da Semana é conscientizar o cidadão de sua responsabilidade no trânsito, valorizando ações do cotidiano e visando a participação de todos para o alcance da segurança viária1.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, só em 2016 ocorreram 20.994 acidentes graves em rodovias federais2. As principais causas são excesso de velocidade, uso de celular, falta do uso de cinto de segurança, consumo de bebidas alcoólicas e fadiga.

O uso de determinados medicamentos também pode contribuir para a menor segurança no trânsito. Pensando nisso, pesquisadores franceses publicaram em 2010 estudo sobre o uso de medicamentos como fator de risco para acidentes de trânsito3. Durante o período do estudo (2005-2008), ocorreram 72.685 acidentes na França e, destes, 3,3% foram associados ao uso de medicamentos3, entre os quais destacaram-se hipnóticos, sedativos, ansiolíticos, benzodiazepínicos e analgésicos opioides. Estas classes medicamentosas podem suprimir o estado de vigília ou, em função de potenciais eventos adversos, podem causar insegurança na direção4.         

Antes de usar medicamentos, informe-se com o seu farmacêutico sobre potencias eventos adversos associados ao estado de vigília, coordenação motora e sono.

Texto elaborado por Acadêmico Iago Christofoli

Revisado por Farm.ª Tatiane da Silva Dal Pizzol

 

REFERENCIAL BIBLIOGRÁFICO

  1. Semana Nacional do Trânsito. Portal do Trânsito. Disponível em: http://portaldotransito.com.br/educacao/semana-nacional-de-transito/semana-nacional-de-transito-2017-comeca-hoje-em-todo-pais/, Acesso em: 19/09/2017.
  2. Brasil, Defesa e Segurança. Mortes em rodovias federais em 2016. Disponível em: http://www.brasil.gov.br/defesa-e-seguranca/2017/02/mortes-em-rodovias-federais-cairam-6-8-em-2016. Acesso em: 19/09/2017.
  3. Observatório Nacional de Segurança Viária. Disponível em:  http://www.onsv.org.br/ver/-811. Acesso em: 21/09/2017.
  4. LudivineO et al. Prescription Medicines and the Risk of Road Traffic Crashes: A French Registry-Based Study.Plos Medicine, novembro de 2010, volume 7, Ed. 11. Disponível em: http://journals.plos.org/plosmedicine/article?id=10.1371/journal.pmed.1000366. Acesso em: 19/09/2017.

 

CIMRS.org.br
Saúde Pública

Enviar Comentário