Saúde Pública

EFICÁCIA E SEGURANÇA DE FITOESTRÓGENOS À BASE DE ISOFLAVONAS

06/10/2017 - 09:57

Fitoestrógenos para sintomas da menopausa. 

Climatério é o conjunto de sintomas que surgem antes e depois da menopausa, causados, principalmente, pelas variações hormonais que podem ocasionar uma série de sintomas. A terapia hormonal tem sido utilizada como um tratamento altamente eficaz, mas a preocupação com aspectos relacionados à sua segurança aumentou acentuadamente o interesse por tratamentos alternativos1. Entre as alternativas, destacam-se os fitoestrógenos, que são substâncias vegetais que mimetizam o efeito do estrogênio2.

Fitoestrógenos a base de isoflavonas podem exercer efeitos estrogênicos na presença de baixas concentrações de estrogênio; no entanto, quando as concentrações de estrogênio foremaltas, podem ter efeito antiestrogênico. Redução na incidência de ondas de calor é observada com extrato de isoflavonas de soja2. Os eventos adversos descritos são redução dos níveis de estrogênio, eventos gastrointestinais e alteração no paladar2.

Thomas e colaboradores concluíram, a partir de revisão sistemática de 17 ensaios clínicos, que o uso de isoflavonas pode aliviar as ondas de calor, o humor, a dor e os sintomas cognitivos em mulheres pós-menopausadas3. No entanto, os autores destacaram limitações quanto ao número de participantes, uso de escalas não padronizadas, bem como o fato de não estratificar os diferentes estágios de transição da menopausa.

Revisão da CochraneÒ de 2013, inferiu que extratos com níveis elevados (> 30 mg/dia) de genisteína reduziram consistentemente a frequência de rubor1.

As isoflavonas daidzeína e a genisteína aumentam a função e a expressão da glicoproteína-P nas células epiteliais intestinais humanas; como consequência, há interações potenciais com medicamentos que se ligam a glicoproteína-P no intestino4.

Fitoestrógenos registrados na ANVISA possuem venda sob prescrição médica5.  O CIM-RS recomenda procurar assistência médica e farmacêutica antes de usar fitoestrógenos.

Texto elaborado por Acadêmico Iago Christofoli

 

Revisado por Farm.ª Tatiane da Silva Dal Pizzol

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

 

  1. Anne Lethaby et al. Phytoestrogens for menopausal vasomotor symptoms.Cochrane Database of Systematic Reviews, 2013.Disponível em: http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1002/14651858.CD001395.pub4/full. Acessoem: 03/10/2017.
  2. DRUGDEX® System.MICROMEDEX® Truven Health Analytics. The Healthcare Business of Thomson Reuters. Disponível em:http://www.micromedexsolutions.com/home/dispatch.Acesso em: 29/09/2017.
  3. AJ Thomas , R Ismail , L Taylor-Swanson (2014) Effects of isoflavones and amino acid therapies for hot flashes and co-occurring symptoms during the menopausal transition and early postmenopause: a systematic review. Maturitas 78, 263276.
  4. E. Poluzzi, C. Piccinni, E. Raschi, A. Rampa, M. Recanatini, F. De PontiPhytoestrogens in postmenopause: The state of the art from a chemical, pharmacological and regulatory perspective. Current Medicinal Chemistry, 21 (2014), pp. 417-436.

 

CIMRS.org.br
Saúde Pública

Enviar Comentário